Mediateca

Aqui encontra um arquivo de vídeos, podcasts, bem como galerias de imagens do deputado Carlos Zorrinho.

Photo by Sam McGhee on Unsplash

Comentário semanal de Carlos Zorrinho na Rádio Campanário – 26 março 2024

O Eurodeputado do PS, Carlos Zorrinho, na habitual revista de Imprensa, falaou à Rádio Campanário sobre a não entrada da IL para o Governo , o maior excedente orçamental da democracia e os aumentos à função pública.

O Eurodeputado do PS, relativamente à não integração da IL no governo de Montenegro começou por referir “surpreende-me em certa medida mas não totalmente tendo em conta o comportamento que temos visto por parte do PSD e do primeiro Ministro indigitado nos últimos dias, depois de uma campanha onde prometeu tudo a todos e agora parece que já não é tanto assim.” Ainda a este propósito adiantou “nós sabemos que a grande proposta da IL era o chamado choque fiscal e possivelmente agora, a AD, já não está disponível para reduzir impostos.”

Na opinião do eurodeputado “este é um sinal de que a AD se está a aproximar ao partido de quem disse que nunca se aproximava , percebemos agora que o não é não não era bem uma linha vermelha mas sim um fio cor de laranja muito fininho .”

No que diz respeito ao segundo tema , Carlos Zorrinho referiu “é o resultado de um esforço coletivo de todos os portugueses , e este facto é muito importante para a vida de todos os cidadãos ainda que muitas vezes as pessoas não percebam porquê”. Segundo o Eurodeputado “o facto do estado ter os cofres cheios tem um impacto muito positivo na vida dos portugueses.”

Por último e quanto ao tema, o Eurodeputado do PS frisou “o que é importante é separar o trigo do joio; há coisas que estamos de acordo e que são importantes para as pessoas nomeadamente aumentar a função pública, repor aquilo que são os congelamento das carreiras dos Professores , aumentar as remunerações dos Polícias e dos profissionais de saúde, são temas comuns a todos os partidos, há dinheiro para o fazer por isso deve ser feito.” Carlos Zorrinho acrescenta ” o que Luís Montenegro parece estar a querer fazer é embrulhar estas medidas positivas num pacote de medidas com as quais o PS não concorda.”

“Se Luís Montenegro quiser concretizar estas medidas positivas, tal como o PS entende que deve ser feito, terá que o fazer o mais rápidamente possível e não misturar isso com outras coisas que não fazem parte nem nunca farão parte de um acordo com o PS” concluiu.

Últimos na Mediateca

Esperança e Responsabilidade

A União Europeia inícia em breve um novo ciclo. Precisa de todos para ter sucesso

Ler mais

Comentário semanal de Carlos Zorrinho na Rádio Campanário – 16 abril 2024

O Eurodeputado do PS, Carlos Zorrinho, na habitual revista de Imprensa, falou à Rádio Campanário sobre o programa de estabilidade, as previsões da inflação e a polémica contratação da adjunta…

Ler mais

A Hora da Europa – abril 2024

Rúbrica mensal do Deputado Carlos Zorrinho na ARIC - Associação das Rádios de Inspiração Cristã.

Ler mais